Educação presencial e a distância

Francisco José da Silveira Lobo Neto (2006, p. 414): 
O que vem se manifestando em horizontes cada vez mais próximos é: uma educação aberta, porque exigência de um processo contínuo ao longo de toda a vida; uma educação plural, porque exigência da crescente complexidade da vida humana em suas dimensões social e individual; uma educação dialógica, porque exigência da necessidade de negociar decisões coletivas nas situações, cada vez mais freqüentes, de incerteza e de urgência. E hoje, e mais ainda amanhã – com o aperfeiçoamento dos suportes de processamento da informação e dos meios de ampliação fidedigna da comunicação em graus cada vez maiores de interação mediada , o conceito de presencial se modifica e já nos desafia no acolhimento crescente do virtual como realização de presença. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário