A escola com Partido persegue os professores de Direita e a escola sem Partido persegue os professores de Esquerda.

Resultado de imagem para escolas sem partidos  Resultado de imagem para escolas sem partidos


A escola com Partido persegue os professores de Direita,  a escola sem Partido persegue os professores de Esquerda.

Difícil seria explicar que  não somos de direita ou de esquerda,  caímos em uma cilada, o  que é de esquerda automaticamente de coloca na direita.  
O que chamamos de escola sem Partido, para os políticos, se tornou um palanque para discurso de partidos de Direita e de Esquerda. No fundo existe mesmo essa ideologia conservadora e essa outra ideologia dos direitos e das minorias. 
Os professores ficam dentro dessa briga de ideologias , no fundo partidárias, como joguetes do Estado e dos que se dizem defensores dos fracos e oprimidos. 

Caímos em uma cilada, se o professor falar qualquer coisa que desagrada aos da esquerda, vão dizer que ele é homofóbico e que sem essa discussão de ideologias sexuais o professor não tem nada para dizer.   Se o professor falar o que agrada aos de esquerda vão dizer que o professor está querendo guiar as crianças segundo a cartilha do Partido de esquerda.

A escola com Partido de fato desfavorece o partido de Esquerda, e a escola sem Partido favorece ao Partido de direita. 

O que não podemos esquecer é que na prática, na hora de dividir o BOLO, não existe ESQUERDA OU DIREITA, o que existe é um bolo para ser dividido, nesse momento somos todos CAPITALISTAS.E nós, defensores dessa ou daquela ideologia, somos os trouxas

A política  faz das ideologias palanques de discursos e dos que se colocam nessa ou naquela posição de público eleitor. Sempre foi assim, porém agora no fundo dos discursos somos todos CAPITALISTAS,  no sentido mais individualista da palavra.

 Nós professores, somos apenas joguetes do Estado e dos interesses desse ou daquele grupo. lembrando que os interesses individuais, nesse tempo de liberdades e direitos exacerbados, estão acima dos interesses coletivos. Não esquecendo que os professores também levam para dentro da sala de aulas os seus interesses PARTICULARES, nesse tempo, acima de tudo, ideologias sexuais. 
A imparcialidade e a sensatez é o melhor caminho nesse tempo em que pregam a demolição do pouco que  restou de parâmetro e equilíbrio.  

               

Nenhum comentário:

Postar um comentário