LIBÂNEO, José Carlos. Adeus professor, adeus professora?

 JOSÉ CARLOS LIBÂNEO












...] Muitos professores temem perder o emprego, outros se apavoram quando são pressionados a lidar com equipamentos eletrônicos. (LIBÂNEO,2002, p.14).
[...] Há uma tendência de intelectualização do processo de produção implicando mais conhecimento, uso da informática e de outros meios de comunicação, habilidades cognitivas e comunicativas, flexibilidade de raciocínio etc. (LIBÂNEO, 2002, p.15)
[...] as mudanças são consideráveis e afetam não apenas a sociedade de um modo geral, como a nossa vida cotidiana. (LIBÂNEO, 2002, p.17).
[...] O novo professor precisaria, no mínimo, de adquirir sólida cultura geral, capacidade de aprender a aprender, competência para saber agir na sala de aula, habilidades comunicativas, domínio da linguagem informacional e dos meios de informação, habilidade de articular as aulas com mídias e multimídias. (LIBÂNEO, 2002, p.28).
Uma mudança de atitude dos professores diante da rigidez da organização disciplinar implica compreender a pratica da interdisciplinaridade em três sentidos: como atitude, como forma de organização administrativa e pedagógica da escola, como pratica curricular. (LIBÂNEO, 2002, p.32).
A escola continuará durante muito tempo dependendo da sala de aula, do quadro negro, dos cadernos. Mas as mudanças tecnológicas terão um impacto cada vez maior na educação escolar e na vida cotidiana. (LIBÂNEO, 2002, p. 40).
O professor precisa juntar a cultura geral, a especialização disciplinar e a busca de acontecimentos conexos com sua matéria, porque formar o cidadão hoje é, também, ajudá-lo a se capacitar para lidar praticamente com noções e problemas surgidos nas mais variadas situações, tanto do trabalho quanto sociais, culturais, éticas. (LIBÂNEO, 2002, p.43).