cultura própria de cada escola

Libâneo (1995):
“não conhecemos uma escola apenas pelo que se vê, pelo que aparece, mas diretamente à nosso observação ( as formas de gestão, as reuniões, a elaboração do PPP e do currículo, as relações sociais entre os integrantes da escola, etc) É preciso captar aqueles significados, valores, atitudes, modo de convivência, forma de agir e de resolver problemas, freqüentemente ocultos, invisíveis, que não vão definindo uma cultura própria de cada escola”.