“Não sois máquinas! Homens é que sois!”

"...a divisão do trabalho é nada mais do que a atividade humana estranhada, alienada como uma atividade real da espécie ou como atividade do homem, enquanto espécie." (Marx, 1975, p.359)

“Não sois máquinas! Homens é que sois!”
Charles Chaplin no final do filme “O grande ditador”


"...vive na comunidade política, onde se olha como um ser comunal, e na sociedade civil, onde é ativo como um indivíduo privado..." (Marx, 1975, p.220)


"... leva uma vida dupla, uma vida no céu e uma vida na terra, não somente em seu espírito, em sua consciência, mas na realidade." (Marx, 1975, p.220) 





Nenhum comentário:

Postar um comentário