Globalização e exclusão social

“As demandas são formadas e agregadas em velocidade crescente. Monopólios simbólicos são corroídos pela mídia em tempo real.” (ROCHA, Vilmar, 2002)


 "...a autonomia surge, como germe, assim que a interrogação explícita e ilimitada se manifesta.." (Castoriadis, 1992, p.139).


"...exclusão das estruturas de informação e comunicação em exclusão da cidadania, na verdade, exclusão política e cultural da sociedade civil..." (Lash, 1994, p.161),


 "...a estrutura efetivamente obriga a ação a ser livre, no sentido de que a acumulação estrutural do capital só é possível conquanto a ação consiga se libertar das estruturas "fordistas" limitadas por regras..." (Lash, 1994, p.145).


"...as oportunidades e ameaças...devem ser cada vez mais percebidas, interpretadas e resolvidas pelos próprios indivíduos..." (Beck, 1997, p. 18).

"...a ação deliberada do homem pode efetivamente mudar as regras da estrutura social, inclusive as que
levam à exclusão social". Castells (1999, p.192).


 "...se trata de um fenômeno que requer nitidamente aquilo que se chama convencionalmente tratamento interdisciplinar..." (In: Featherstone, 1994, p.26)

"...a profunda relação constitutiva de tudo isso com a nova tecnologia, que é uma das figuras de um novo sistema econômico mundial..." (Jameson, 1996, p. 32)



Divulgue acessando:
http://literaturaimparcialista.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário