PARA A FUVEST 2011 : A sociedade sem Altruísmo, Imediatista...

A Sociedade Imediatista
O Imediatista


Eu sou imediatista, eu sou da sociedade do prazer,

Eu quero tudo, e agora!...Eu quero tudo em banda larga

Eu quero o amor romântico, Eu quero o sexo casual

Eu quero amigo virtual, eu quero paz, eu quero sucesso,

Eu quero seguidores no Twitter, eu quero descobrir a cura...

Eu quero destruir a morte, eu quero comprar a vida....

Eu quero filhos, eu quero esposa, eu quero prostitutas.

Eu quero um megaorgasmo... eu quero eliminar a idéia de pecado

Eu quero inventar um Deus conivente com minhas baixezas,

Eu quero adaptar o livro sagrado com a minha realidade...

Eu quero moldar a história...

Não quero nada que castiga ou pede sacrifícios...

O meu imediatismo é reflexo da banda larga,

É reflexo desse tempo em que tudo está à venda

É reflexo dessa compra e venda de prazeres...

É reflexo desse tempo em que tudo pode vir a ser mercado consumidor...

Podemos prostituir, podemos alterar tudo

E fazer verdades ao gosto do freguês....

Tudo está em menus...e as possibilidades de prazeres são infinitas...

Essa é a sociedade imediatista, a sociedade fruto da competitividade descabida...

Do consumo inconsciente, da criação do mercado para suprir desejos

A todo custo, da sociedade do prazer...

A sociedade do prazer é imediatista porque ela busca o prazer sem sacrifícios,

Essa sociedade é conseqüência capitalismo e do consumo,

Onde tudo é comprável, prostituível, moldável em nome do prazer...

A partir do instante que começamos prover nossas necessidades e nossos desejos,

Ignorando qualquer coisa que fosse contra nossos desejos,

Começamos a criar a sociedade imediatista...

O Imediatismo é uma espécie de orgasmo com ejaculação precoce...

A vida se tornou um orgasmo com ejaculação precoce...

A vida é em banda larga...

Salomão Alcantra
J.Nunez



Altruísmo nunca mais...

Rompemos com tudo,

Rompemos com a hierarquia,

Rompemos com a educação,

Rompemos com a formalidade,

Rompemos com os rituais,

Rompemos com as cerimônias,

Rompemos com as distâncias,

Rompemos com o respeito,

Rompemos com a noção sexualidade,

Rompemos com os gêneros,

Rompemos com as cortesias,

Rompemos com as gentilezas,

Rompemos com a generosidade,

Rompemos com a amizade,

Rompemos com o humanismo,

Rompemos com o equilíbrio,

Rompemos com o bom senso,

Rompemos com os parâmetros,

Rompemos com a tradição,

Rompemos com a vida,

Rompemos com a morte,

Rompemos com o caminho,

Rompemos com o homem e a mulher,

Rompemos com o intocável,

Rompemos com as virtudes,

Rompemos com as leis ocultas,

Rompemos com a biologia,

Rompemos com a alma,

Rompemos com o altruísmo,

Rompemos com a subsistência

Rompemos com a natureza,

Rompemos com nossa universalidade,

Rompemos com a família,

Rompemos com Deus,

Agora somos a sociedade do prazer

Rompemos com tudo não seja gozo...

Rompemos com tudo e fizemos

Um pacto com o prazer...Estamos nos labirintos dos prazeres...

E esperamos a morte...

Rompemos com tudo em nome do consumismo, materialismo

E do capitalismo, e nossa motivação para esse crime foi o prazer...

Octávio Guerra

J.Nunez

http://literaturaimparcialista.blogspot.com
Divulgue acessando:

Nenhum comentário:

Postar um comentário